sexta-feira, 21 de julho de 2017

Tipos de adoçante

ADOÇANTES



São divididos em:

Naturais (extraídos de vegetais e frutas)
- esteviosídeo
- sorbitol
- manitol
- sucralose


 Artificiais (produzidos em laboratório)
- sacarina
- aspartame
- ciclamato
- acesulfame-K


Os adoçantes cuja matéria-prima são edulcorantes, em geral não são absorvidos pelo organismo, ou contêm valor calórico muito reduzido e por isso fazem parte de dietas de redução de peso. Podem ser classificados em nutritivos (fornecem calorias) ou não nutritivos (não fornecem calorias).


NATURAIS:

Stévia
- edulcorante natural extraído da planta Stevia rebaudiamv. - poder edulcorante relativo: 180.
- adoçante nutritivo.
- estável sob altas temperaturas e em meio ácido.
- usado como adoçante de mesa, gomas de mascar, balas, bombons, bebidas, gelatinas, pudins, sorve­tes e iogurtes.

Sorbitol
- pertence à categoria dos polialcoóis (forma alcoólica da saca­rose). Presente em várias frutas.
- poder edulcorante relativo: 60.
- adoçante nutritivo: valor calórico equivalente ao da sacarose.
- associado à frutose.
- usado como geléias, gomas de mascar, balas e panetones.

Manitol
- pertence à categoria dos polialcoóis (forma alcoólica da manose). Presente em várias frutas.
- poder edulcorante relativo: 50.
- adoçante nutritivo: valor calóri­co equivalente ao da sacarose.
- usado como gomas de mascar e balas.

Sucralose
- origem: molécula modificada da sacarose.
- poder edulcorante relativo: 600.
- adoçante não nutritivo.
- ausência de sabor residual.
- estável sob altas temperaturas, sendo utilizado em preparações destinadas à cocção.
- usado como adoçante de mesa e em preparações.

Artificiais:

Sacarina
- substância derivada do petróleo. - poder edulcorante relativo: 300.
- sabor residual amargo em concentrações altas. Redução de sabor residual pela mistura de sacarina e ciclamato.
- adoçante não nutritivo.
- submetida ao calor, não perde suas propriedades.

Ciclamato
- substância derivada do petróleo.
- poder edulcorante: 30.
- sabor agridoce.
- proibida a comercialização nos EUA (estudos indicam que a hidrólise do ciclamato,  no trato digestivo, pode produzir uma substância carcinogênica).
- adoçante não nutritivo.
- estável sob altas temperaturas, sendo utilizado em preparações destina­das à cocção.
- longa validade e bastante solú­vel em água.
- usado como adoçante de mesa, gomas de mascar, bebidas, congela­dos, refrigerantes, geléias e sorvetes.

Aspartame
- origem: combinação dos AA: fenilalanina e ácido aspártico.
- poder edulcorante: 180.
- sem sabor residual amargo.
- acentuado aroma de sabor de frutas ácidas.
- adoçante nutritivo (fornece calorias): 4 kcal/g.
- instável sob altas temperaturas, sendo inadequado em preparações desti­nadas à cocção.
- usado como adoçante de mesa, misturas, pós, gomas de mascar, balas, sobremesas, bebidas, conge­lados,   refrigerantes,  coberturas, xaropes e produtos lácteos.

Acesulfame-K
-  derivado do potássio.
- poder edulcorante: 200.
- sabor amargo em altas concen­trações.
- adoçante não nutritivo.
- estável sob altas temperaturas.
- usado isoladamente ou combi­nado com outros edulcorantes.
- usado como adoçante de mesa, em gomas de mascar, bebidas, café e chás instantâneos, gelatinas, pu­dins, produtos lácteos, panifica­ção e sorvetes. 

Ainda ficou com dúvida?
No Dieta e Vida você encontra nutricionistas altamente qualificadas para te ajudar!

 

 

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Beneficios da Pipoca

Pipoca!!!

A pipoca pode parecer simplesmente um delicioso passatempo para o cinema e noites confortáveis em casa, mas também existem muitos benefícios da pipoca para a saúde. Ela decorre simplesmente do fato do milho ter um endosperma, e uma casca dura. Quando o milho é aquecido, a pressão no interior do casco aumenta e, eventualmente, o estouro ocorre.

No entanto, se pipoca é comida pura, é um lanche tanto delicioso como benéfico. Aquecer por si só é suficiente para criar a pipoca, por isso evite cozinhar com azeite ou outros óleos vegetais, uma vez que pode impactar o teor de polifenois.


Benefícios da Pipoca

Contribui para a saúde digestiva
É importante perceber que a pipoca é um grão integral, que é uma designação para os grãos que contêm o endosperma, o germe e o farelo. Por isto, é semelhante a cereais integrais, tais quais o arroz e pães integrais, que também contêm todas essas três partes vitais.
Dado que a pipoca é um grão inteiro natural, vale lembrar que contém as fibras do farelo, para não mencionar os minerais, vitaminas do complexo B e vitamina E que estão armazenados lá. Em termos de digestão, o alto teor de fibras mantém o seu corpo “regular”, o que significa que seus movimentos intestinais estarão regulares. Isto é particularmente útil para evitar doenças como a constipação. A fibra estimula o movimento peristáltico dos músculos intestinais e induz a secreção dos sucos digestivos, o que ajuda a manter todo o seu sistema digestivo saudável.

Carboidratos de qualidade
 Muitas pessoas correm de carboidratos por medo das implicações no peso. A verdade é que os carboidratos são a principal fonte de combustível do seu corpo, então você precisa deles diariamente. O truque é escolher o tipo correto de alimentos, e a pipoca tradicional é um deles.

Fonte de potássio
O potássio é um nutriente que desempenha um grande papel no controle de sua pressão arterial. A deficiência é rara, mas perigosa. Sem potássio suficiente correndo por seu sangue, você corre o risco de sofrer um ataque cardíaco. Felizmente, 28 gramas de pipoca acrescentas 92 miligramas para suas necessidades diárias.

Uma ajuda para o controle do colesterol
Um dos benefícios da pipoca envolve o colesterol. Uma das funções das fibras é que elas podem ajudar a eliminar o excesso de colesterol dos vasos sanguíneos e artérias, diminuindo assim as chances de doenças cardiovasculares perigosas como a aterosclerose, os ataques cardíacos e os derrames. 

Propriedades para a regulação dos níveis de açúcar no sangue
O terceiro papel vital das fibras é seu impacto sobre os níveis de açúcar no sangue. Quando há uma alta disponibilidade de fibras no alimento, a velocidade de digestão e absorção dos alimentos é moderada, e isto consequentemente regula a liberação e gestão dos níveis de açúcar e insulina no sangue, pelo menos de maneira melhor do que as pessoas que ingerem baixos níveis de fibras.
Reduzir estas flutuações do açúcar no sangue é um dos grandes benefícios da pipoca para diabéticos, de modo que ela é recomendada se você sofre dessa doença difícil.

Prevenção do Câncer
Pesquisadores nos últimos anos encontraram níveis surpreendentes de antioxidantes na pipoca, sendo este fato uma das grandes contribuições para os benefícios da pipoca. Ela costumava ser considerada simplesmente uma guloseima um pouco mais saudável. Atualmente foi descoberto que o casco do milho contém grandes quantidades de compostos polifenois, um dos tipos mais potentes de antioxidantes que você pode fornecer ao seu corpo.
De fato, a pesquisa mostrou mesmo que o consumo de pipoca tem maior potencial antioxidante do que uma dose diária de frutas e legumes. Os antioxidantes são os agentes poderosos de defesa que limpam e eliminam os radicais livres, estes subprodutos do metabolismo celular que estão associados com uma variedade de doenças no corpo, em particular o câncer.
Os radicais livres são conhecidos por provocarem mutações no DNA de células, o que pode se tornar um grande problema de saúde. Coma e aproveite os benefícios da pipoca advindos de seus antioxidantes.

Ajuda para evitar o envelhecimento precoce
Os antioxidantes fazem muito mais do que impedir os danos celulares que precedem o câncer. Eles têm sido intimamente ligados à melhoria de sintomas relacionados à idade, como rugas, manchas, degeneração macular e cegueira, fraqueza muscular, declínio cognitivo, osteoporose, doença de Alzheimer, demência, perda de cabelo e uma grande variedade de outros problemas que geralmente não prestamos atenção à medida em que envelhecemos. A pipoca pode mantê-lo saudável e feliz na terceira idade graças aos poderosos antioxidantes que combatem esses efeitos dos radicais livres.

Fonte de vitaminas do complexo B A pipoca não vai ser suficiente para cobrir todas as suas necessidades diárias de vitaminas B, mas certamente contribui. Ela contém vitamina B6, niacina, tiamina, riboflavina e ácido fólico. Estes são os nutrientes que desempenham muitas funções em seu corpo, incluindo manter as células vermelhas do sangue saudáveis e se desenvolvendo normalmente. Vitaminas do complexo B também ajudam a converter os alimentos que você consome em energia para o seu corpo usar.

Perda de peso
28 gramas de pipoca estourada no ar contém cerca de 108 calorias. Com a devida moderação, pode ser consumida tranquilamente para os que estão visando o controle do peso. Não só pelo teor calórico, mas pelo teor de fibras na pipoca, que faz você se sentir saciado, além de inibir a liberação do hormônio da fome, a grelina.
Isso pode evitar excessos e manter as pessoas que estão lutando contra o peso livres dos excessos. Outro dos benefícios da pipoca também é o fato de ser muito baixa em gorduras saturadas e seus óleos naturais serem essencialmente saudáveis ​​para o organismo.
Não compre pipoca de micro-ondas ou processada

.
A melhor forma de preparo
O melhor é fazer uso da panela com um fiozinho de óleo e uma pitada de sal (bem moderadamente, ambos). Feita dessa forma, a pipoca é um alimento saudável, com uma xícara de chá cheia (30 gramas) fornecendo poucas calorias.
Outra boa forma para preparar o lanche é colocar os milhos dentro de um saco de pão bem vedado dentro do micro-ondas. Usar especiarias e temperos naturais também é uma boa ideia para dar um gostinho adicional.



quarta-feira, 19 de julho de 2017

A importancia da Chia

Chia.

Mais conhecida por sua semente, a qual é comercializada integralmente, moída ou em forma de óleo, a chia também é dona de folhas que podem ser aproveitadas para infusões. Ambos derivados, independente da forma, são tidos como ricas fontes de minerais, aminoácidos essenciais e ômega 3.
É frequentemente enaltecido seu potencial em prevenir doenças cardiovasculares, diabetes e até tumores, além do de auxiliar na perda de peso.

A semente da chia é, por vezes, considerada um alimento funcional dadas suas características compositivas. Seu efeito mucilaginoso (o de absorver e reter quantidade significativa de água, como um emulsificante), devido à alta concentração de fibras, torna a chia interessante para quem busca emagrecer, posto que pode intensificar a sensação de saciedade.
  • Cálcio: cinco vezes a concentração do mineral encontrada no leite de vaca.
  • Magnésio: 100 gramas da semente de chia pode conter o mesmo que 200g do mineral presente em nozes ou 1,6 kg de brócolis, por si só considerados alimentos ricos no nutriente.
  • Manganês e fósforo: 100 gramas de chia contêm 108% do manganês e 95% do fósforo demandados por um adulto numa dieta de 2.000 quilocalorias/dia. 
  • Proteínas: 15% da composição da chia é proteica, sendo seus aminoácidos, em conjunto, formadores de alto valor biológico. Apenas 28 gramas da semente fornecem 9% da proteína que um adulto demanda, em média.
  • Fibras: a alta concentração de fibras alimentares (38 gramas a cada 100) faz da chia um aliado do emagrecimento e na boa digestão.
A semente de chia, quando utilizada de maneira integral, pode ter diversos usos culinários. Agindo quase como emulsificante, torna líquidos mais próximos de um gel e dá "liga" a massas.
Receitas que podem incluir a semente de chia são pudins, pães, tortas, quiches, mousses, cremes, patês, risotos, farofa, saladas de frutas, sumos e vitaminas.

Teve alguma dúvida?
Somos nutricionistas e podemos te ajudar!
Acesse www.dietaevida.com.br

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Alimentação Pré e Pós Exercício




A refeição pré-exercício deve prevenir a fadiga e melhorar o desempenho durante a atividade. Para todos os tipos de treinos, seja aeróbico, seja de força (musculação), o importante é escolher alimentos que sejam fontes de carboidratos como pães e massas integrais, são digeridos mais lentamente e fornecem energia durante todo o treino. Salada de frutas, que contém carboidratos simples e fibras, iogurte desnatado e açaí acompanhados de grãos ou farinhas integrais (linhaça dourada, amaranto, aveia ou quinoa) são excelentes opções.
Se o horário de treino for muito apertado e você tiver apenas meia hora para se alimentar antes de sair, prefira lanches mais leves, com frutas e pães integrais. Em dias muito quentes, aumente a hidratação e invista na água de coco, pois ela isotônico mais natural.

Opções pré treino:

Opção 1- Lanche natural (pão integral + blanquet de peru + musarela de búfala + tomate + alface)
- 1 copo pequeno de água de coco


Opção 2- 1 salada de frutas (laranja, melão, maçã, banana e mamão + granola e mel orgânico)

Opção 3
- Banana prata amassada + aveia e mel
Opção 4
- 1 açaí batido com banana ou morango com granola

Opção 5
- Lanche natural (pão integral + frango desfiado + cenoura e beterraba crua ralada + alface)
- 1 copo pequeno de suco de abacaxi com hortelã


Opção 6
- 1 copo de suco desintoxicante ( Escolha 1 fruta: Laranja ou Limão ou Maracujá ou Abacaxi + 1 colher de sopa de linhaça dourada triturada + 2 cubos de gelo de clorofila)
- Um punhado de mix de castanhas (castanha do pará, nozes, avelã, macadâmia e amêndoas)



Após o treino, é importante focar na recuperação muscular. Para isso, a nutricionista indica o consumo de alimentos ricos em proteína, como frango, peixe, muçarela de búfala, iogurte desnatado e quinoa real.

Muitos especialistas acreditam que é importante consumir proteínas (como um shake proteico) logo após o treino, em até 1 hora, pois é neste momento em que há a janela de oportunidade, ou seja, momento que o organismo necessita e está mais apto a absorver os nutrientes.
Além da proteína, outro nutriente importante e esquecido após o treino é o carboidrato. Dependendo do objetivo e perfil, o carboidrato pode ser até mais importante do que a proteína, pois auxilia a hipertrofia e estimula o crescimento dos músculos. Sem dúvida alguma, o pós-treino é um ótimo momento para o consumo de carboidratos, pois eles serão utilizados e não estocados na forma de gordura. O que vai variar é o tipo de carboidrato e a quantidade que será consumida e por isso a consulta com a nutricionista é fundamental.

Opções Pós treino:

Opção 1
– Pão integral com alguma proteína, podendo ser peito de frango, peixe como o atum, queijo cottage ou ricota, iogurte desnatado sem açúcar;

Opção 2
– Torradas integrais com patê de alguma proteína com o mínimo de gordura possível, podendo ser atum também, peito de peru ou de chester, vitamina de frutas com leite desnatado e adoçante;

Opção 3
 -Torrada integral com queijo branco e geleia com suco de frutas sem adição de açucar;

Opção 4
– Salada de frutas com queijo cottage; (as frutas são para repor as energias gastas durante o treino e o queijo cottage fonte de proteínas para construção muscular), você pode salpicar por cima ainda, whey protein, albumina ou caseína.

Opção 5
– Iogurte com granola sem adição de açúcar, em ambos. Para aumentar a quantidade de proteínas na refeição, você pode adicionar uma medida de whey protein, albumina ou caseína.


Opção 6
– Vitamina de iogurte desnatado, batido com banana e/ou morango, mamão papaya, maçã e aveia, podendo adicionar farinha de linhaça, quinoa ou chia.
Lanche de pão integral com peito de peru,  rodelas de tomates, alface e orégano a gosto. 


Gostou?
Acesse www.dietaevida.com.brwww.dietaevida.com.br e saiba qual a melhor alimentação para o seu perfil. 

 


quinta-feira, 6 de abril de 2017

Receita Fit

Coxinha de galinha

Gente! Sério!!!! Quando vi essa receita no Cozinha Fit & Fat não acreditei que subtituiria um salgadinho frito, tão maravilhoso e tão maléfico para a saúde.
Mas fui lá e fiz! E agora estou completamente maravilhada, viciada, apegada e tudo que existe por esta coxinha.
Lógico que o formato não ficou profissional. Mas a gostosura compensou.

Ingredientes:
500g de abóbora cozida e amassada
1 ovo
1 xícara de farelo de aveia
sal a gosto
Farinha de linhaça para empanar

Junte tudo e misture bem.
Transfira para uma panela, fogo médio, acrescente ervas finas e uma pitada de sal.
Mexa até desgrudar da panela.
Coloque na geladeira por 1 hora. 
Bezunte as mãos com azeite.
Coloque um pouco de massa na palma da mão, amasse, abra e coloque o frango desfiado dentro, feche e modele feito coxinha.
Empane na farinha de linhaça e leve ao forno médio por 35 minutos.



Na receita original ela usa farinha de linhaça escura, eu usei a dourada porque eu tinha em casa. 
Cada coxinha tem em média 160kcal.



Achei mágica essa receita. Pequei um pouco no sal, coloquei muito pouco e a abóbora é doce, então sugiro experimentar a massa antes de cozinha-la.

Vale a pena se arriscar!

Até!
Dieta & Vida

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Tipos de Dieta

 

Existem muitos tipos de dieta, sendo que algumas podem apresentar resultados favoráveis mais rapidamente, no entanto, é preciso levar em consideração que a dieta não pode prejudicar a saúde da pessoa, já que algumas são radicais. Um exemplo de dieta radical é a do dr. Atkins (dieta da proteína) que corta de forma total o consumo de carboidratos. Neste caso, ocorre a perda de peso rapidamente devido ao corte do carboidrato, porém sabe-se que todos os tipos de alimentos são recomendáveis para o bom funcionamento do organismo.


Propomos sempre a dieta feita com saúde e acompanhamento profissional.

Dieta vegetariana – todos os alimentos de origem vegetal são aceitos, mas há quem também inclua na alimentação, leite e derivados, ovos e carne branca. Proibida carne vermelha e derivados. 

Dieta de combinação de alimentos – não importa a quantidade, nem a qualidade dos alimentos. O segredo da dieta está na combinação certa dos alimentos, por isso todos os alimentos são permitidos. Não podem ser combinados, por exemplo, alimentos ácidos com carboidratos.

Dieta ortomolecular – prioridade para alimentos frescos, carboidratos integrais e à base de proteína com baixo teor de gordura, como ave, peixe, avestruz e clara de ovo. É permitida a inclusão de suplementos de vitaminas e minerais diariamente, mas cuidado com a quantidade. Alimentos industrializados, carne vermelha e gema de ovo são proibidos. Já o carboidrato simples não pode ser incluído na última refeição do dia.

Dieta do tipo sanguíneo – segundo a dieta, cada organismo está preparado para assimilar um determinado alimento. Quem tem sangue A digere melhor peixes, vegetais, frutas e cereais. Pessoas com sangue B toleram bem laticínios, e com sangue AB aceitam bem ingredientes variados. Já quem tem sangue O digere carne vermelha com mais facilidade. Pequenas quantidades de alimentos não “bem-aceitos” nos grupos sanguíneos não estão proibidos, mas devem ser evitados.

Dieta do mediterrâneo – a culinária mediterrânea é a base da dieta. A ênfase é no consumo de azeite de oliva, peixes, frutos do mar, verduras, legumes, frutas cítricas, temperos e ervas e vinho (com moderação). Alimentos com gorduras monoinsaturadas, ômega 3 (sardinha, atum, salmão, anchova) e ômega 6 (castanha, e nozes, sementes de gergelim e girassol e óleos de milho, soja, girassol e canola) são permitidos. Podem ser consumidos alimentos como carne vermelha, doces, gordura saturada e açúcares, mas com bastante moderação.

Dieta da sopa – não é permitida a ingestão de carboidratos. Realmente, a dieta da sopa emagrece, mas não se deve fazê-la por mais de sete dias. Durante o período da dieta, além da sopa é permitida a ingestão de frutas, verduras e legumes crus ou cozidos. Pode tomar água e chá à vontade. Filé de frango e bife grelhado podem ser ingeridos nos últimos dias da dieta. Nada de fritura durante a dieta.

Dieta do Dr. Atkins – conhecida também como a dieta da proteína. A dieta corta totalmente a ingestão do carboidrato, não sendo permitida em nenhuma refeição. Assim, quem segue a dieta não pode comer arroz, massa, pão, açúcar, bolo, farinha, nem leguminosas (milho, lentilha, ervilha, grão-de-bico), nem leite e derivados. Entre os alimentos permitidos estão as carnes, peixes, verduras, frutas e aves, além de ovos e carne de porco.

Dieta de South Beach – criada com o objetivo de reduzir o colesterol ruim e o triglicérides. Todos os grupos alimentares são liberados em quantidades moderadas, mas a ênfase é no consumo de proteínas. O carboidrato é substituído pelo consumo de produtos integrais. Não são permitidas massas, arroz, cereais, doces, pães, frituras e alimentos gordurosos.

Dieta programada Lean Body – indicada para quem pratica exercícios físicos diariamente, já que a quantidade de alimentos aumenta a cada semana, pois o lema da dieta é “comer mais para emagrecer mais”. Todos os alimentos são permitidos, mas em quantidades adequadas.

Dieta da pirâmide dos alimentos – todos os alimentos são permitidos. Cada grupo de alimentos (são 6 no total) está em um andar da pirâmide, que segue na ordem decrescente, ou seja, os alimentos estão divididos por ordem de importância e os que estão na base representam o combustível para o corpo, enquanto que os alimentos no topo da pirâmide devem ser evitados ou ter o consumo reduzido.

Dieta dos pontos – é como se chama a dieta baseada em um programa de incentivo, criado pela organização Vigilantes do Peso. Pelo programa, cada alimento tem um número determinado de pontos. A pessoa que fizer essa dieta segue uma tabela com os tipos de alimentos e a pontuação. Ela só pode consumir a cota que foi estabelecida por dia. Cada ponto corresponde a aproximadamente 3,5 calorias. Todos os alimentos são permitidos, desde que sejam respeitadas as quantidades estabelecidas.

Dieta de restrição – há dietas para quem tem restrição ao glúten (indicada para pacientes de doença celíaca), para quem tem restrição de lactose ou de alimentos específicos, para quem tem restrição ao açúcar e carboidratos com alto índice de glicemia (indicada para diabéticos e pré-diabéticos).

Dieta da desintoxicação (detox) – está liberado o consumo de frutas, legumes, verduras, sucos e chás. Leite e laticínios, pães e massas são consumidos com moderação. Nos primeiros cinco dias da dieta, a carne vermelha está proibida. (Fonte: Guia de nutrição)

Nós podemos ajudar a escolher a melhor dieta para você.
Sem precisar sair de onde está!
Nos visite.
www.dietaevida.com.br



 

O site Dieta & Vida


A Dieta & Vida foi idealizada por profissionais sérios e qualificados propondo o emagrecimento saudável e duradouro.
Visamos conforto, bem estar e qualidade de vida partindo dos princípios da Reeducação Alimentar.
É possivel emagrecer com saúde sem precisar ir ao consultório de um Nutricionista.


A Dieta & Vida lhe oferece todo o apoio.
Fazemos dietas personalizadas seguras para sua saúde.
Tudo com suporte on line de Nutricionistas devidamente qualificados e registrados no CRN.
A melhor maneira de emagrecer sem correr o risco de engordar novamente e prejudicar a saúde é fazendo uma reeducação alimentar para poder comer de tudo, mas na medida certa, sem ter que recorrer a remédios para emagrecer ou cirurgia, alcançando resultados definitivos.
Durante o período de acompanhamento oferecemos suporte para dúvidas, análise nutricional das refeições, análise de evolução de peso, receitas saudáveis e muito mais.

Conheça sua situação e indicaremos a dieta adequada para você e o tempo estimado para atingir sua meta.


Prepare-se para perder peso com saúde e de forma fácil.
Em breve posts sobre aliemntação, saúde, bem estar e qualidade de vida.
Venha nos conhecer!